Cogumelos…

O que são?

Os cogumelos são tão misteriosos quanto são deliciosos. Embora sejam muitas vezes confundidos e preparados como legumes, os cogumelos são na realidade fungos. São um tipo especial de organismo vivo que não tem raízes, folhas, flores ou sementes. Embora possam ser cultivados, os cogumelos crescem de forma selvagem em muitas regiões do mundo.

 Existem muitas variedades de cogumelos, sendo os mais comuns os cogumelos brancos, cogumelos crimini e cogumelos portobelo.De todos estes, o cogumelo branco é o que se encontra mais facilmente. O cogumelo crimini, que se parece apenas com o botão e adquire um tom de castanho cor de café, possui um sabor mais distinto. O cogumelo portobelo é de grande tamanho e tem curiosamente sabor a carne.

Os benefícios que pode encontrar nos cogumelos é a prevenção da doença de Alzheimer, redução do colesterol, sendo também uma fonte de antioxidantes ajudando a fortalecer o sistema imunitário. 

 

Ao longo da história os cogumelos têm vindo a ser  utilizados com diferente fins de acordo com as suas propriedades.

Os cogumelos comestíveis ocupam desde à muito tempo um lugar de destaque, sendo muito apreciados e valorizados em todo o mundo. Para além do seu sabor, aroma e textura os cogumelos possuem propriedades nutricionais e medicinais. São ricos em proteínas apresentando um baixo teor de gordura e um elevado conteúdo de hidratos de carbono e fibras.

 

Para que são utilizados?

–  Como já vimos, como um alimento muito rico.

– Na medicina, existem alguns com propriedades medicinais como por exemplo o Penicillium do qual se conheceu o antibiótico penicilina.

– Na tinturaria, alguns têm um fonte de corante natural no processo de tingimento de fibras têxteis.

– Nos rituais religiosos, os cogumelos que possuem propriedades alucinogénicas têm sido utilizados, ao longo dos tempos, por diversos povos, em rituais religiosos e xâmanicos.