Sabe para que era utilizada a castanha antigamente?

Ao contrário do que muitas pessoas pensam, a castanha não é um fruto mas sim uma semente. Antigamente, a castanha foi a substituta da batata na gastronomia portuguesa.

 

O castanheiro foi introduzido na Europa há três mil anos e é hoje considerado uma espécie natural da Serra da Estrela. Na zona beirã e transmontana, este alimento era o principal na sua alimentação.

Hoje em dia, são muito utilizadas para acompanhar a carne assada, assadas na época do outono e até doce de castanha já existe.

É um produto muito versátil que dá para fazer de variadas formas, como, em sobremesas, sopas, etc.

 

Conheça as suas características

A castanha tem baixo teor de gordura e muita fibra, são protegidas por uma espécie de ouriço vegetal. Existem algumas espécies de castanha, entre elas: as camarinha, a judia, a benfeita, a cota, a lada e a longal.

A sua época vai de setembro a meados de fevereiro. Combinam na perfeição com ervas aromáticas e especiarias como o alecrim, rosmaninho, louro, tomilho, cravinho, erva-doce, canela e pimenta.

 

Em portugal, também existem algumas tradições de festas sobre a castanha:

  • O São Martinho (por todo o país), a 11 de novembro com magusto e água pé.
  • Em Marvão, o mês de novembro é o mês da festa do castanheiro.
  • Em Sernancelhe, a festa faz-se em Outubro, com uma vertente competitiva e prémios para os melhores pratos cozinhados com castanhas.

 

UMA DICA: As castanhas devem de ser guardadas num local fresco e seco e fora de sacos de plástico, pois tendem a ganhar bolor.

 

Deixo-vos aqui uma receita com castanhas

 Ingredientes:

  • 800 gr. de lombo de porco
  • 500 gr. de castanhas
  • 1 colher de sopa de massa de pimentão
  • 3 dentes de alho
  • 1 folha de louro
  • 2,5 dl de vinho de mesa branco
  • 5 colheres de sopa de azeite 
  • Sal q.b.

Preparação:

Corte a carne em cubos e tempere com os dentes de alho picados, o louro, a massa de pimentão, sal e pimenta, misturando muito bem. Deixe repousar durante 30 minutos. De seguida, leve ao lume um tacho com o azeite, deixe aquecer e junte a carne, deixando-a cozinhar até ficar bem douradinha, mexendo de vez em quando. Adicione o vinho e deixe ferver.

Depois junte as castanhas, tape e deixe cozinhar em lume brando durante 20 minutos, mexendo de vez em quando. Sirva o prato quente e acompanhe com batatas fritas em cubos.

 

 

 

 

 

  • Adoro receitas com castanhas, gostei de ficar sabendo mais sobre a história da castanha, obrigado por esse post.

    • Isa e Tiago

      De nada Eliane, é com muito gosto que partilhamos estas histórias!!!