Wrap de Frango com Coleslaw

Esta foi a receita que foi apresentada no showcooking do Street Food Caldas deste ano.

Uma salada com origens muito antigas. É apelidada de “salada de repolho”.

Aqui está a sua origem:

“O termo “coleslaw” surgiu no século XVIII como uma anglicanização do termo “koolsla” Dutch (“Kool” em holandês rima com “cole”) ou “koolsalade” que significa “salada de repolho”. A Coleslaw consiste principalmente de repolho finamente picado e preparada como com um vinagrete. Preparada deste modo, a salada repolho pode ser conservada durante até quatro semanas se for armazenada em recipiente hermético. Outra versão comum desta salada é com o uso de maionese, temperada ou não.  

A mudança de “Koolsla” para “coleslaw” veio com imigrantes holandeses que vieram para a América. Como resultado, a salada de repolho em sua forma atual é amplamente considerada uma conquista da culinária americana, aparecendo primeiro na literatura americana em 1785. 

A Coleslaw naturalmente evoluiu para não ser apenas mais uma salda de repolho com maionese. O livro de receitas de 1770, The Sensible Cook: Dutch Foodways in the Old and New World (O sensível cozinheiro: caminhos da alimentação holandesa no Antigo e no Novo Mundo), contém uma receita atribuída a uma autora holandesa, que misturou finas tiras de repolho com manteiga derretida, vinagre e azeite de oliva. A receita para salada de repolho, como é mais comumente preparado é bastante jovem e usa maionese, que também é uma preparação inventada em meados do século XVIII.

Há muitas variações da receita, que incluem a adição de outros ingredientes tais como repolho roxo, pimentas, cenouras raladas, cebolas, queijos, abacaxi, maçã ou misturada a algum molho para saladas tais como maionese ou creme. Uma variedade de temperos, tais como sementes de aipo, podem ser adicionados. O repolho pode vir em pedaços finamente picados, tiras finas ou pequenos quadrados. 

Salada de repolho é geralmente comida como acompanhamento para frango frito e carnes grelhadas, e pode ser acompanhada por batatas fritas ou salada de batata como outro acompanhamento. A Coleslaw também pode ser usada como ingrediente para sanduíches de churrasco, hambúrgueres e cachorros-quentes, juntamente com pimenta e mostarda quente. ”

IN –  http://confrariadobaraodegourmandise.blogspot.pt

 

A nossa receita

Ingredientes para a salada Coleslaw:
200 gr de couve roxa
1 cebola 
1 talo de aipo
1 cenoura grande
1 maçã granny smith
1 mão cheia de salsa picada finamente
sal e pimenta qb
2 colheres de chá de vinagre balsâmico 
100 gr yogurte grego 
algumas folhas de menta finamente picadas
Raspas de uma lima

Ingredientes para o Frango:
2 peitos de frango cortados ás tiras 
Grelhar as tiras do frango com sal e pimenta

 

Preparação para o frango:
Coloque uma Frigideira em lume alto e deixe ficar muito quente.
Corte os filetes de frango em tiras.
Esfregue-os com azeite e tempere-os com sal e pimenta.
Salteie-os na panela até que eles ganhem uma cor dourada.
Retire da panela e reserve.

Preparação para  salada Coleslaw:
Corte finamente os vegetais e coloque-os em uma tigela grande.
Mexa com o sal e o vinagre. Aperte-os com suas mãos para que fiquem submersos na própria marinada.
Coloque-os num passador e reserve os sucos  numa tigela. Adicione o iogurte aos sucos e misture para combinar.
Adicione alguma pimenta recém-moída e as folhas de hortelã.
Em seguida, adicione os vegetais finamente picados e misture.
Corte as tiras de frango em pedaços mais pequenos.
Se possível, aqueça os wraps numa panela.
Espalhe uma porção de salada em cada um e adicione pedaços de frango 
Enrole e sirva.

                

                 

Fácil não é?
E muito saboroso!!!