Conhece todos os tipos de chocolate?

7 de julho – Dia do Chocolate

 

Muitas opiniões existem sobre o chocolate. Como todas as outras “guloseimas”, se consumido moderadamente só faz bem.

Este alimento causa uma sensação de bem estar, por ter propriedade que elevam os níveis de serotonina e endorfina. Dão uma dose extra de boa disposição e ainda ajudam a evitar os sintomas de depressão.
Se optar pelo chocolate negro, que é aquele que tem 70% de cacau, é uma fonte muito rico em flavonoides que beneficia  sistema circulatório.

 

Conheça os vários tipos de chocolate:

  • De leite
    Contém licor e manteiga de cacau, açúcar, leite, leite em pó ou leite condensado. Possui menor teor de cacau (entre 36% e 46), grande quantidade de açúcar e maior valor calórico do que o chocolate amargo.

 

  • Amargo
    Composto por sementes de cacau, um mínimo de manteiga de cacau, pouco açúcar e sem adição de leite. Seu sabor amargo deve-se à maior quantidade de massa de cacau, que compõe no mínimo 70% do produto.

 

  • Branco
    As sementes de cacau não fazem parte da fórmula deste alimento. A sua receita contém leite, açúcar, manteiga de cacau e lecitina. Não contém antioxidantes. É o que contém maior teor de gordura e valor calórico.

 

  • Ao leite 0% de açúcar
    Não contém açúcar em sua composição, sendo indicados para diabéticos. No entanto, deve-se ter atenção à quantidade ingerida, pois para compensar a falta de açúcar, ganha maior dose de gordura, sendo mais calórico do que o chocolate ao leite tradicional. Encontrado em tabletes, bombons e ovos.

 

  • Chocolate orgânico
    O cacau utilizado nesse tipo de chocolate é orgânico, ou seja, é produzido sem o uso de agrotóxicos e fertilizantes químicos, trazendo mais benefícios à saúde e ao meio ambiente. Há as opções ao leite, amargo e à base de soja.

 

  • À base de soja
    É 100% vegetal, feito com extracto de soja, sem lactose ou glúten. Disponível em bombons, ovos de Páscoa. Esta guloseima é especialmente indicada para pessoas com intolerância à lactose e celíacos. A versão sem açúcar pode ser consumida por diabéticos.

 

  • Alfarroba
    Alternativa para intolerantes à lactose ou celíacos. É uma vagem que após torrada e moída resulta em uma farinha utilizada como substituta do cacau. Tem apenas 0,7% de gordura, é pouco calórica, além de ser rica em fibras e não conter cafeína. Seu sabor é similar ao do chocolate amargo. Este produto pode ser encontrado em barra, pó, bombons e ovos de Páscoa. Sem adição de açúcar, pode ser consumido por diabéticos. 

Devem existir poucas pessoas que não são apreciadoras de chocolate, pelo menos que eu conheça. E vemos isso, pelas bolachas que fazemos de Manteiga de Amendoim com Chocolate que são das mais procuradas e vendidas.

 

Como confeccionamos as nossas bolachas:

 

O chocolate que mais apreciamos é sem dúvida o negro, pois não é tão doce. Qual o seu preferido???